quarta-feira, julho 24, 2013

Não preciso mais ter medo de errar no amor...
Vi nos seus olhos que me aceitaria depois de todas as minhas desilusões... me esperaria chegar exausta depois de tantos desacertos...
Descanso quando sua mão pressiona meu braço... beijo seus lábios enquanto você me ama com suas milhões de palavras...
Me perdoe por não saber ou não poder corresponder na altura e profundidade que você merece... vou errar e você sabe, sofre e espera...
Sei que é você que irá me recompor no futuro e me ensinará tudo de novo sobre todas as coisas, e quero reaprender...
Ainda não estou... mas caminho para você... sei que sabes...
... Teu amor é paciente... teu amor não me atropela... teu amor me dá a liberdade da escolha... me espera e se guarda pra mim sem mais perguntas...
[Cáh Morandi]